DEIXE SEU RECADO PARA O EDITOR

sexta-feira, 15 de março de 2013

TEOLOGIA



O que é teologia?

A teologia pode ser definida operacionalmente como o estudo sistemático da revelação especial de Deus registrada nas Escrituras, tendo por finalidade glorificar a Deus por meio do conhecimento da sua Palavra e da obediência à ela. “O tema e o conteúdo da teologia é a Revelação de Deus.” Dessa concepção, seguindo a linha do teólogo reformado Kuyper (1837-1920),  subentende-se que:


A teologia nunca é “arquétipa”, mas “éctipa”; não é gerada pelo esforço de nossa observação de Deus, mas é o resultado da revelação soberana e pessoal de Deus. Uma teologia arquétipa pertence somente a Deus, porque apenas ele se conhece perfeitamente, tendo até ciência completa do seu conhecimento perfeito. Por isso, a teologia sempre será o efeito da ação reveladora, inspiradora e iluminadora de Deus através do Espírito; nunca é a causa primeira; sempre é o efeito da ação primeira de Deus em revelar-se. Em todo e qualquer enfoque que dermos à realidade, isto deve ser considerado: “No princípio Deus…”. A teologia sempre é “… relativa à revelação de Deus. Deus precede e o homem acompanha. Este ato seguinte, este serviço, são pensamentos humanos concernentes ao conhecimento de Deus”.
A teologia não termina em conhecimento teórico e abstrato, antes se plenifica no conhecimento prático e existencial de Deus através das Escrituras e da iluminação do Espírito. Conhecer a Deus é obedecer a seus mandamentos. Fazer teologia é tarefa da Igreja; não é um estudo descompromissado feito por transeuntes acadêmicos. Brunner (1889-1966) afirma: “Pensamento dogmático não é somente pensar sobre a fé, é um pensar crendo”.
Alister McGrath

FONTE:

Nenhum comentário:

Postar um comentário